sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

“N” Razões Para Uma Pequena “Difamação” Sobre A Vida


05h41 da manhã, as vésperas de um registro importante, não é de nascimento porque já temos 7, nem de casamento, porque se dissolve (haja açúcar), e como fizemos vigília na fila da insônia, não seria hoje que iríamos dormir.

Assembléia, Ata, Estatuto, Xerox disso e daquilo, 2 vias, melhor 3 pra garantir, reconhecer firma, autentica, chora na copiadora, liga pra amiga de Arujá, alguem conhece uma advogada? Recolhe a taxa, pega a fila e não esquece que tudo precisa ser em papel oficio, A4 não serve!

E o pior já passou, reunir quase 20 pessoas pra assinar.

20 pessoas para materializar algo que 4 sonharam primeiro.

 
Caminhos que se cruzaram, se interromperam, retornaram...Pessoas! Artistas!

Hoje, dos 20, temos pra tudo e pra todos os gostos, uns já fazem há anos, outros estão apenas começando. Temos trágicos, cômicos, dramáticos, clowns e ainda ousamos dos clássicos ao autoral, somos MUITOS e diversos.

O pianista auto didata que compõe em coreano

O empenho que vem de carona de Campinas

A autenticidade da sobrinha neta de Lampião

O dono de um trono, não mais bobo da corte

A crocância de uma escolha corajosa

A fina estirpe que tem contato com os Rezendes

Nossa alcoólica estrela do cinema (clap, clap, clap)

A arte da percussão corporal e do betume

O tempo cômico da sempre atrasada

Como tanto talento coube numa D&G?

Um escorpião de coração mole, que brinca de driblar ferroadas alheias.

A generosidade dentro e fora de cena com um pandeiro na mão

Uma ex drag super multi uso e um menino grande que morre de medo de ETs...

E ainda tem gente pra conhecer, antes que nossas maquinas parem, se bem que o que mais temos é gente pra fazer a engrenagem girar.

E sabe o que nos deixa mais confiantes? É que nunca fomos aves de ciscar.

Optamos por trabalhar, optamos pelo TEATRO!

Assinado : As duas inglesas românticas do século XVIII, do “N”.

5 comentários:

  1. Nossaaaa, muito lindo, cofesso q me emocionei...
    Amo vcs!!! obrigada por tudo...

    ResponderExcluir
  2. Só quem tá dentro que entende mesmo... dá-lhe a poesia neurótica no Ato Falho... rs

    ResponderExcluir
  3. alcoólica estrela do cinema (clap, clap, clap)28 de janeiro de 2011 16:38

    Que coisa linda...

    ResponderExcluir
  4. Nunca sei oq escrever quando leio coisas boas.

    OBRIGADA!

    ResponderExcluir
  5. Orgulho de ser neurotica!!
    (emocionada)
    Mt obrigada, mt bom ler isso!

    ResponderExcluir